Eu tenho você





O cheiro do café e a tímida luz do sol indicavam que um novo dia estava começando. Levantei lentamente da cama e pude fitar um sorriso espontâneo. O sorriso mais delicado que já havia visto: o seu sorriso. Sem fazer movimentos fortes, sai dali e fiquei a observar a luz tímida que tentava sair em meio às nuvens. Era o quente e o frio em uma combinação perfeita. Fazia frio quando tinha que fazer, fazia calor quando o frio começara a incomodar. O som do natural apaziguava o ambiente. Tudo funcionava bem.
Fui surpreendido pela sua presença ao me abraçar e me roubar um beijo. Senti a sua respiração e a quentura do seu hálito. Estávamos ali, olhando para o horizonte, sentindo o cheiro da terra molhada, abraçados pelo vento, pensando nos novos dias e nos novos sonhos, que nem sabíamos que havíamos sonhado.

Duas pessoas diferentes levadas pelo amor. Senti suas mãos, senti o seu cheiro. Por um momento pensei que o mundo poderia ser aquilo ali, só eu e você. Ou que se ele acabasse me sentiria o mais feliz por ter estado com você. Quando me disse bom dia, com um leve sorriso, senti como se estivesse no paraíso. É em momentos como esse que percebo não precisar de muito para ser feliz. Bastam às pequenas coisas e os pequenos grandes momentos ao lado de alguém que amo. Ao lado de alguém como você.
Nada naquele momento me transmitia mais paz do que a sua presença. Seu sorriso foi o que me fez esquecer-se de muitos momentos ruins que havia passado, acho que ele é mágico. Tão mágico quão o momento em que estávamos muito próximos durante a noite. Tudo ficara gravado em minha mente na área das melhores lembranças, de quando não se tem preocupações, de quando não se quer que o tempo haja para esquecer-se de algo.
Tocar em seu rosto, receber o seu toque, roubar-te beijos, ganhar muitos outros. Nada é melhor do que isso. Receber o seu abraço de tamanho único, sentir o seu calor, sentir a sua presença, receber o seu carinho. Nada é melhor do que isso. Nada naquele momento era melhor do que a harmonia entre nós dois.  
Só os nossos corações e corpos saberiam dizer o que àquele momento representava. Só os nossos corações se comunicavam. E o felizes para sempre? Não sei, mas o que posso dizer é que você está me fazendo feliz cada vez mais. Para quê perder tempo cobrando uma eternidade, se durante esse tempo posso estar com você? 
Tudo junto, tudo mesclado, tudo que é nosso é moldado por ações involuntárias de nosso estado de espírito apaixonado. O dia estava só começando, nossa relação está crescendo e crescendo. Saber que tenho você me deixa tranquilo para enfrentar a chuva, o sol escaldante ou qualquer outra coisa.
Pareço não temer o futuro, tampouco sofrer pelo passado. Entre o frio na barriga e ansiedade de ver você outra vez, me vem na cabeça: eu tenho você. E é isso que me conforta, e é só isso que me conforta. Aconteça o que acontecer, eu tenho você.


Comentários

  1. Olha eu passando por aqui pela primeira vez,desde que você tem o seu blog.
    Vc como sempre escrevendo belos textos,estou mto orgulhosa de ter um irmão assim.
    Parabénss!!
    Beijos =*

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bem-vindo a Ótica Cotidiana!
Obrigado pela visita e leitura do texto.


Participe deixando a sua opinião, comentário ou questionamento sobre o texto.

NOTAS :

- Não serão tolerados qualquer mensagem contendo conteúdo ofensivo ou de spam.
- Os comentários são de plena responsabilidade dos seus autores, ainda que moderados pela administração do site.
- Os comentários não representam a opinião do autor ou do site.

MAIS DE ÓTICA COTIDIANA