A voz noturna

| foto: pixabay

Durante as noites vocês realmente pareciam tenebrosos e maiores do que realmente são. Era como se estivesse vendo apenas a sombra desenhada no chão, sem perceber o que estava de fato sendo projetado. Mal conseguia me libertar da própria consciência e deixar de ouvir e absorver o que era insinuado propositalmente por eles horas antes. A minha ingenuidade talvez me fizesse pensar, até certo ponto, no que poderia ser verdade no meio daquilo tudo. Contudo, o meu sentido auto-protetor dizia apenas para abstrair.

São estrategistas. Na noite, quando já não estavam com você, eles pareciam fazer de tudo para que existisse culpa por algo que não é necessariamente de sua responsabilidade, ou de interesse alheio. Eles invadem a sua casa, o seu espaço, os seus alimentos, como se fossem donos da sua privacidade e liberdade. Na realidade, eles querem tirá-la, cortar as suas asas para que você não voe a grandes alturas. Já notou que a sombra de quem voa é muito maior? É disso que eles têm medo. Parecem tenebrosos e até certas horas são.

Falam sempre pelos cantos e pelos cotovelos com seus semelhantes, como se fossem donos do mundo e da verdade. Arrogantes. São tão asquerosos que me lembram dos ratos. Ratos são animais tipicamente do esgoto, vivem do resto, nos excrementos, e dão náuseas. O ser humano que vive desse tipo de lixo é tão asqueroso quanto. E aí entendemos que àquele ser que parecia maior é tão pequeno a ponto de fazer sentido dizer que escutar as suas críticas, de suas mentes pequenas e vazias, é perda de tempo e energia, pior: é um passo mais largo para tornar-se semelhante.

Querem que a gente se sinta um lixo enquanto na verdade, eles são quem tem tudo para ser. Não se engane e se entregue fácil. Cada escolha é uma renúncia, portanto, pense bem no que quer manter e descartar. Os ratos não são donos do seu poder individual. Os ratos devem permanecer com seus semelhantes sedentos pelo esgoto a qual fazem parte. 





Comentários

  1. sou seu fãããããã, caramba o último parágrafo, quase choro -N hahahaha
    muito bom vini!

    ResponderExcluir
  2. Quando você falou em 'asas' e 'tamanho de suas sombras' logo me veio um capítulo do seriado 'Sobrenatural' quando eles matam um anjo ou arcanjo e no chão aparece a sombra / contorno de algo 7 vezes maior do que um ser humano.

    No céu quando está limpo e quando o terreno onde estou é plano, consigo ver realmente que uma ave parece maior quando sua sombra é projetada na terra.

    Cara, comecei lendo o texto meio que sem entender nada mas valeu a pena pq no fim fez mais sentido. Gostei tbm do parágrafo final, mas a frase 'Já notou que asombra de quem voa é muito maior?' vai ficar na minha mente por um longo tempo. Valeu mesmo pelas palavras

    ResponderExcluir
  3. Fiquei muito feliz com o comentário Rafa!
    Eu que agradeço pela leitura e fico extremamente feliz por conseguir deixar algo em você, muito mesmo.

    Abraços!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bem-vindo a Ótica Cotidiana!
Obrigado pela visita e leitura do texto.


Participe deixando a sua opinião, comentário ou questionamento sobre o texto.

NOTAS :

- Não serão tolerados qualquer mensagem contendo conteúdo ofensivo ou de spam.
- Os comentários são de plena responsabilidade dos seus autores, ainda que moderados pela administração do site.
- Os comentários não representam a opinião do autor ou do site.

MAIS DE ÓTICA COTIDIANA