Problemáticas da ausência educacional


Se a saída é investir para educar, se investe mais para punir por quê?

Encabeçando os jornais do século XXI: “Astronautas exploram mistérios do universo”, “ Cientistas criam embrião humano em laboratório”. A vida que evolui, numa nova modalidade de longevidade. Sem dúvidas os avanços tecnológicos trouxeram inúmeros benefícios e trarão outros no futuro. Contudo, nessa época numa outra faceta, a sociedade convive com problemas antigos que finge não o enxergar: o descaso com a educação e a desigualdade social.
Na época de grandes avanços, ainda se investe pouco -- principalmente nas regiões mais pobres -- em um direito básico que toda criança deveria ter: a educação de qualidade. Pela carência de recursos na área, é cada vez mais precoce o ingresso de crianças às drogas e criminalidade, onde se tornam apenas números de pesquisas sobre problemas sociais.
Crianças -- em sua grande maioria de famílias desprovidas de recursos financeiros -- deveriam estar inseridas em escolas de qualidade. Porém, têm suas vidas fadadas ao crime e desigualdade, contribuindo para o aumento de problemas sofridos diretamente pela sociedade.
Apontam culpados, focos de culpa, mas pouco efetivamente é feito. A maneira passiva de não questionar e exigir mudanças permite a continuação desse ciclo desigual onde todos os anos causam perdas em famílias e prejuízos financeiros aos cofres públicos. Realidade ilustrada constantemente através dos veículos de informação.
Enquanto a sociedade não cumprir as suas obrigações, mais e mais crianças estarão ingressando em ambientes contrários aos da escola e do convívio saudável. Cada vez mais será gasto para puni-las, ou para tentar educá-las, quando adultos. É inacreditável que em uma época de grandes avanços na tecnologia e ciência, que crianças se tornem apenas números de pesquisas.



Comentários

Postar um comentário

Bem-vindo a Ótica Cotidiana!
Obrigado pela visita e leitura do texto.


Participe deixando a sua opinião, comentário ou questionamento sobre o texto.

NOTAS :

- Não serão tolerados qualquer mensagem contendo conteúdo ofensivo ou de spam.
- Os comentários são de plena responsabilidade dos seus autores, ainda que moderados pela administração do site.
- Os comentários não representam a opinião do autor ou do site.

MAIS DE ÓTICA COTIDIANA